.posts recentes

. Olá amigos!

. ...

. ...

. ...

. Sabe bem dizer adeus às c...

. "Embora ninguém possa vol...

. Sonho e amor

. Taras e manias

. Só tu consegues ser o meu...

. A vida

.arquivos

. Junho 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

Segunda-feira, 9 de Janeiro de 2006

CAMINHO DO AMOR

Como encontrar o caminho do amor, numa sociedade hedónia, fria e vazia nas suas relações?

caminho do amor.jpg

Até pode ser dificil, pois é uma tarefa árdua mudar a mentalidade de uma sociedade inteira, mas se houver vontade tudo se consegue, tudo é possivel quando se acredita!

(aparte)
Ás vezes quando falo sobre a socedade, sobre nós faço transparecer uma realidade muito negra sobre esta, mas se formos correctos na análise veremos que a verdade não se encontra muito afastada desta descricção, pelo menos a sociedade que me envolve e na qual ( bem ou mal) faço parte.

Voltando ao assunto, como podemos fazer para encontrar e sobretudo caminhar no caminho do amor?
Por vezes na escuridão das nossas vidas é dificil não perder o rumo já que não há pontos de referencia que nos guiem, não há um farol que nos indique a direcção a tomar.
Outras vezes , até sabemos a direcção, mas vamos perdendo o ânimo e a coragem para continuar à procura, pois perdemos a fé, a fé que é capaz de mover "céus e terra", a fé em alguma coisa que seja ( não estou a falar em religiões mas em convicções), por vezes parece que se passa-se uma rajada de vento toda a gente ( ou quase) ia atrás dela já que ninguém está preso a nada, ninguém tem um porto seguro onde se possa proteger...
E por fim, às vezes até sabemos a direcção, temos a coragem de continuar a viagem, mas não conseguimos ainda assim atravessar a última barreira para o caminho do amor, a última porta que nos separa deste, pois não temos amor para "pagar a portagem".Isto não quer dizer que só haja ódio nos corações de hoje, mas estes encontram-se cheios de sentimentos e valores por vezes demasiado vãos e fúteis.
Falta referir que quando falo em amor não me refiro apenas ao sentimento que envolve um homem entre um homem e uma mulher, mas também ao amor entre todos enquanto irmãos. Como posso eu amar uma mulher se não amo o meu próximo?
É por isso que eu te invoco Afrodite, deusa do amor, para que nos concedas a graça de amar e sermos amados, para que todos possamos ser felizes ao percorrer o caminho do amor, que como sabemos não é fácil de ser percorrido, pois há muitos espinhos que nos picam os pés descalços torturando-nos,e areias movediças que nos tentam afogar, e tudo fazendo para que voltemos atrás na nossa viagem e estilo de vida!

Não qis parecer muito moralista ao escrever este texto, pois não o sou, queria apenas responder ao desafio que me foi lançado... "Quem homenageia Afrodite, terá de aprender o caminho do amor..."

publicado por egasmoniz às 22:03

link do post | comentar | favorito
|

8 comentários:
De Ariadne a 9 de Março de 2006 às 03:31
Como encontrar o caminho do Amor ?... Mas o Amor não se situa: está além do espaço, alheio a todas as direcções - ele É todas as direcções ! A quem lhe calha ser atravessado por essa torrente, não resta senão renascer das cinzas, eternamente.

Parabéns pelo blog.
Namasté


De tron a 13 de Janeiro de 2006 às 15:24
O amor para se conquistar se luta por ele, quando se tem é uma flor fragil em especial nesse mundo cão


De Estrela do Mar a 11 de Janeiro de 2006 às 11:39
...Max, realmente tens razão...as pessoas cada vez estão mais egocênctricas, e isso reflecte-se em tudo, em todas as vertentes da vida...e o que hoje pode ser uma alegria enorme, amanhã pode ser um mar de água constante...sinceramente não sei ao que se deve tudo isto...mas sinto também que pequenas coisas que são tão importantes e que podem fazer toda a diferênça, deixaram de existir, por isso já nada me admira...enfim...


Um beijinho de @mizade para ti.


De sininho a 10 de Janeiro de 2006 às 20:09
Tem calma, no amor tudo se ganha, tudo se conquista e esse pensamento negativo não o vai atrair até ti. Tem calma, respira fundo e olha a tua volta! Nem sempre parece aquilo que é, e o amor é como uma pedra rara, há que procurar, fazer algumas escolhas, dar certos passos para que o possamos encontrar, ou ele a nós. força beijos


De Maria Papoila a 10 de Janeiro de 2006 às 14:52
É dentro de nós que encontramos força e coragem para esse amor universal de que falas... "Vós sois deuses, mas vos haveis esquecido!" Platão. Beijo


De Ana a 10 de Janeiro de 2006 às 10:57
Eu tento encontrar o caminho do amor, em mim, pois é dentro de mim que essa estrada existe, e o ponto de paragem é simplesmente o meu coração...

Jinhus
Ana


De Brisa a 9 de Janeiro de 2006 às 22:59
A felicidade pode surgir, livre e inesperadamente - não a procures com demasiado desespero. Descontrai-te e ela aparecerá.
Ao pensares demais no passado corres o risco de não viver o presente. O primeiro passo a dares no teu caminho é venceres esse medo de amar de novo...Não existem pessoas iguais, nem tão pouco amores iguais,mas isso não quer dizer que vamos amar menos o próximo amor (até pelo contrário...) dá essa chance a ti mesmo -Arrisca!
Fica bem


De Lagoa_Azul a 9 de Janeiro de 2006 às 22:46
Tortuosos caminhos do amor quando um homem ama uma mulher, explendorosos caminhos do amor quando se ama outro ser só por se amar...aprender a subtil diferença, e viver de acordo com éla, é onde por vezes reside todo o saber de uma vida...gostei muito do texto...e ama sempre e muito e todos, beijos com carinho.


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Junho 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


.Fazer olhinhos

blogs SAPO

.subscrever feeds