.posts recentes

. Olá amigos!

. ...

. ...

. ...

. Sabe bem dizer adeus às c...

. "Embora ninguém possa vol...

. Sonho e amor

. Taras e manias

. Só tu consegues ser o meu...

. A vida

.arquivos

. Junho 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

Quarta-feira, 31 de Agosto de 2005

Todas as cartas de amor...

Todas as cartas de amor são
Ridículas.
Não seriam cartas de amor se não fossem
Ridículas.

Também escrevi em meu tempo cartas de amor,
Como as outras,
Ridículas.

As cartas de amor, se há amor,
Têm de ser
Ridículas.

Mas, afinal,
Só as criaturas que nunca escreveram
Cartas de amor
É que são
Ridículas.

Quem me dera no tempo em que escrevia
Sem dar por isso
Cartas de amor
Ridículas.

A verdade é que hoje
As minhas memórias
Dessas cartas de amor
É que são
Ridículas.

(Todas as palavras esdrúxulas,
Como os sentimentos esdrúxulos,
São naturalmente
Ridículas.)

Fernando Pessoa
(Poesias de Álvaro de Campos)

É ridiculo pensar assim, mas não deixa de ser verdade!

publicado por egasmoniz às 16:11

link do post | comentar | favorito
|

3 comentários:
De eu a 29 de Maio de 2006 às 20:54
seu blog e muito legal viu gostei mesmo no kd coisa uma mais massa do que a outra. Legal mesmo. Aqui passa no meu tbem falo......


De jessica a 27 de Maio de 2006 às 02:24
nossa seu blog ta muito lindo viu!!!
adoreiiii
bjusss


De golfinha a 31 de Agosto de 2005 às 21:21
é esta ridicularidade (n sei se existe, mas pontos =)) q dá sentido ao amor... bjinhus


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Junho 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


.Fazer olhinhos

blogs SAPO

.subscrever feeds